Estamos em novo endereço!

 

Em 2011, nosso blog completa 5 anos de existência.

Infelizmente, nesse tempo o UOL Blog não se adaptou aos novos meios de comunicação, sempre emperrando a dinânica entre autores e leitores.

Desse modo, como presente de 5 anos estamos mudando nosso blog de servidor, onde será muito mais dinâmico e com menos poluição visual.

É com alegria que anunciamos nosso novo endereço: http://www.ji-paranafc.blogspot.com

Muito obrigado pela compreensão

Bruno Porto de Lima

Pará é o novo Presidente do Ji-Paraná Futebol Clube

O ex-goleiro e ídolo do Jipa assumiu a presidência na manhã de hoje

Um ídolo, uma história viva no clube mais vitorioso e querido de Rondônia, este é Selmo Castro, o Pará, novo Presidente do Ji-Paraná Futebol Clube.

O ex-goleiro e ídolo do Jipa, assumiu a presidência do clube na manhã de hoje no ginásio esportivo Gerivaldo José de Souza, o Gerivaldão. Na ocasião, estavam presentes os mais tradicionais conselheiros do Jipa, entre eles os ex-presidentes Roldão Alves e Maritaca, além dos conselheiros Romão Moreno, Cesar Placar, Jurandir, Chico Limeira, entre outros.

O momento é de alegria para a torcida ji-paranense, pois uma nova etapa está se iniciando no clube, com uma nova diretoria comprometida em honrar o torcedor.

Pará aproveitou o momento e falou sobre o seu amor pelo Jipa. “Sou apaixonado por esse clube, vou honrar o Ji-Paraná e a sua torcida. Quando cheguei para jogar no Jipa, o meu contrato era de apenas três meses, mas já estou a 18 anos nesta cidade que aprendi a amar”, ressaltou Pará.

Pará disse ainda que irá promover em breve, um evento para apresentar todos os integrantes da nova diretoria do Clube.

 

Fonte: RUL

Galo da BR se organiza para voltar a elite do futebol rondoniense

Eleição da nova diretoria do Galo da BR acontece na próxima quinta-feira

 

“Em busca do tempo perdido”. É com esse pensamento que um grupo de desportistas e empresários estão empenhados em reestruturar o Ji-Paraná Futebol Clube, visando as competições deste ano da Federação de Futebol do Estado de Rondônia (FFER).

Em visita a FFER, o responsável pelas categorias de base do clube, Luciano de Almeida, se reuniu juntamente com o Presidente da Federação Heitor Costa e tratou diretamente de assuntos referentes ao Galo da BR, onde foi discutido a nova eleição do clube, regularização da situação cadastral junto a FFER, entre outros assuntos.

 Luciano de Almeida, entrou em contato com a assessoria da federação para regularizar a situação do maior clube do estado. “Fomos muito bem recebidos e obtivemos algumas direções por parte da presidência, aonde vamos tratar de cumprir essas pendências o mais breve possível”, destacou Luciano.

 Luciano aproveitou a oportunidade para desejar ao Presidente da Federação, Heitor Costa, uma boa viagem e sucesso na chefia da delegação da seleção brasileira. “Essa viagem demonstra o prestígio que o nosso presidente tem junto a Confederação Brasileira de Futebol (CBF), e nós como filiados, ficamos felizes por Rondônia está sendo tão bem representada”, elogiou Luciano de Almeida.

 

Eleições: 

 Após muito tempo de espera, o clube conhecerá seu novo Presidente na próxima quinta-feira (16). A eleição será realizada no Ginásio Gerivaldão a partir das 9h.

 Com saudades de ir ao estádio torcer pelo clube mais vitorioso do estado, a apaixonada torcida do Galo da BR, está ansiosa pelo processo eleitoral do clube. “Hoje existem muitas pessoas que querem reerguer o nosso clube e há um apoio muito significativo com a classe empresarial, representadas pela Associação Industrial e Comercial de Ji-Paraná (ACIJIP) e pela Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL). Acredito que o Ji-Paraná Futebol Clube irá voltar ao lugar de onde nunca deveria ter saído, e estar sempre contribuindo com o fortalecimento do futebol de nosso estado”, finalizou Luciano de Almeida.

Fonte: RUL

 

Em breve o blog do Ji-Paraná Futebol Clube estará mudando de endereço! Após 5 anos nos servidores do UOL, resolvemos transferir nosso blog pro Blogspot (do Google), pois fornece uma série de ferramentas que aumentarão ainda mais a interação entre o blog e os internautas. Aguardem!

LUCIANO ALMEIDA PODE SER PRESIDENTE DO JI-PARANÁ

 

O atual presidente da ARFA e treinador das categorias de base do Ji-Paraná, Luciano Almeida, pode ser o novo presidente do Ji-Paraná Futebol Clube.

Todas essas informações foram repassadas através do programa Esporte Panorama, da Rádio Alvorada.

Segundo o programa, Luciano Almeida está formando um grupo para possivelmente assumir o Ji-Paraná, inclusive já tendo realizado estudos de viabilidade, principalmente identificando as dívidas do clube.

Luciano Almeida pretende ser presidente do Ji-Paraná

EM JOGO DE NOVE GOLS, ITABUNA DERROTA O JI-PARANÁ

O Itabuna (BA) encerrou sua participação na Copa São Paulo de Futebol Júnior com vitória. A equipe derrotou o Ji-Paraná (RO) por 6 a 3, nesta quarta-feira (12), em Limeira, pelo Grupo M.

O time baiano foi a três pontos e encerra a competição na terceira posição da chave. O Ji-Paraná se despede sem pontuar.

A partida foi muito disputada e as duas equipes, já eliminadas, fizeram um bom jogo, no qual o Itabuna prevaleceu em campo e conquistou a vitória. Mas quem abriu o placar foi o Ji-Paraná, com Dodô.

Lesson empatou a partida aos 18 minutos e Willian, aos 24, se encarregou de virar a partida. David, aos 41, marcou o terceiro para o Itabuna, mas Dodô e Assis, alguns minutos depois,  voltaram a igualar o placar.

No segundo tempo, o Itabuna partiu para cima e construiu a vitória, com gols de Lesson, que anotou dois, e de Mateus.

Fonte: Federação Paulista de Futebol

INTER DE LIMEIRA VENCE O JI-PARANÁ E DECIDIRÁ O PRIMEIRO LUGAR DO GRUPO COM O SÃO PAULO


A Internacional deu um passo importante rumo à classificação para a segunda fase da Copa São Paulo de Futebol Juniores. Jogando sábado à noite no Limeirão diante de um público mediano, a equipe limeirense derrotou o Ji-Paraná/RO por 3 a 0, mas continua em segundo lugar do Grupo M pelo saldo de gols, já que na preliminar o São Paulo fez 3 a 1 no Itabuna/BA.

Com isso, Tricolor e Leãozinho somam os mesmos 6 pontos ganhos, só que o saldo de gols do time da Capital é de 7 contra 4 da Inter. Sendo assim, o São Paulo jogará por um simples empate na próxima quarta-feira, às 21h, no mesmo Major Levy, para terminar em primeiro lugar do grupo.

A Inter precisará de uma vitória simples. Se perder, o time de Gil Ribeiro poderá até ficar com uma das nove vagas destinadas aos segundos melhores, desde que a diferença de gols não seja grande, por exemplo perdendo por um gol de diferença. Espera-se um público superior a 15 mil torcedores.

A Inter entrou em campo diante do Ji-Paraná já sabendo o resultado do São Paulo, bem ao contrário da primeira rodada, quando a equipe limeirense abriu a competição vencendo o Itabuna por 1 a 0, enquanto o Tricolor fez 5 a 0 no Ji-Paraná no jogo de fundo, também debaixo de muita chuva. Com os 3 a 1 do time da Capital no Itabuna, o "Leãozinho" estava ciente de que precisaria fazer 6 a 0 no Ji-Paraná para igualar ao São Paulo na liderança, ou 7 a 0 para assumir a ponta do Grupo M. A Inter até poderia conseguir tal feito, mas o campo pesado e castigado pela chuva complicou a vida dos homens de frente da Veterana.

A primeira chance da Inter aconteceu aos 12 minutos. Falta cobrada pelo ala Bruno Reis da ponta-direita e defesa do goleiro Felipe, que mandou para escanteio. É bom lembrar que uma poça d'água foi o "melhor zagueiro da Inter no jogo". Aos 13 minutos, Lucas Santos puxou um contra-ataque pelo meio e fez um passe milimétrico para o zagueiro Jean Carlos. O becão apareceu livre no ataque e quando disparava em velocidade para abrir o placar, a poça segurou a bola, impedindo sua entrada na área. Sorte do time da casa.

No minuto seguinte, Cauê, que disputou a Copinha de 2010 e foi o autor do único gol leonino no meio de semana, fez um lançamento primoroso do campo de defesa para Gabriel. O centroavante trombou com o goleiro e marcou. Acontece que o gol foi corretamente invalidado pelo árbitro Ederson Martins Deodato, que apontou a falta do atacante.

O time de Rondônia voltou assustar com Jean Carlos. O zagueiro cobrou uma falta da meia-direita e a bola raspou o travessão de Felipe. Quando o Ji-Paraná começou a gostar do jogo, a Inter tratou de abrir o placar. No lançamento longo do zagueiro Davison, a zaga visitante resvalou e a bola caiu nos pés de Gabriel, que teve tranquilidade para tirar o marcador da jogada e bater com categoria na saída de Felipe: 1 a 0. Foi o primeiro gol do goleador do Paulista Sub-20 na Copinha.

Com a abertura no placar, a Inter passou a acreditar em uma goleada. Aos 23 minutos, Cauê aproveitou uma saída errada da defesa do Ji-Paraná e tentou encobrir Felipe da meia-direita. A bola ganhou altura e foi embora.

O time de Rondônia apostava suas fichas no grandalhão Lennon. Aos 31 minutos, na primeira vez que o atacante foi acionado, ele ganhou com o corpo de Bruno Reis e chutou cruzado da direita, na rede pelo lado de fora. Só que "uma andorinha não faz verão".

O "Leãozinho" mandava no jogo e era bem superior ao rival. Aos 34 minutos, o ala Jefferson, um dos melhores em campo, ganhou uma disputa no carrinho pela meia-esquerda e decidiu arriscar da intermediária. O goleiro Felipe se esticou todo para desviar para escanteio.

A Inter tratou de ampliar no fim da primeira etapa. Aos 40 minutos, Cauê levantou para a área e o zagueiro Davison escorou na trave. Ele mesmo aproveitou o rebote para fazer 2 a 0. Foi o primeiro gol do capitão leonino na Copinha. Os leoninos foram para os vestiários aplaudidos pelos torcedores.

2º tempo

Com a vantagem de 2 a 0 no placar, a Inter voltou com a mesma formação para a etapa complementar. Logo no primeiro minuto, Gabriel costurou a defesa adversária e serviu Léo. O filho do presidente Ailton Oliveira mandou por cima do gol.

O Ji-Paraná quase surpreendeu a defesa leonina aos 5 minutos. Em jogada ensaiada de falta pela esquerda, Giovanni tocou para Lucas Santos, que livre de marcação, cruzou na cabeça do zagueiro Júnior Ferreira. A bola passou à esquerda de Felipe.

A Inter apertou o ritmo e em nova jogada individual de Jefferson, o ala deixou Léo em ótimas condições de marcar. O ponta bateu cruzado e rasteiro para a defesa de Felipe. Já no escanteio cobrado por Yan aos 16 minutos, o zagueiro leonino Emerson, posicionado na segunda trave, escorou na rede pelo lado de fora.

Gabriel voltou a aparecer no jogo a partir dos 24 minutos. O goleador foi lançado na esquerda e chutou rasteiro da entrada da área. O goleiro Felipe deu rebote e o lateral Róbson, na tentativa de tirar a bola de Fábio que poderia fazer o terceiro, por pouco não marcou contra. A bola raspou o travessão do Ji-Paraná.

Três minutos depois, Gabriel se livrou de dois marcadores e mandou um "tubaço" de fora da área. Felipe voou em seu canto direito para mandar para escanteio. Esse goleiro do time de Rondônia tem futuro. O terceiro gol saiu apenas aos 38 minutos. O endiabrado Jefferson deu uma meia-lua sensacional em Assis pela direita, invadiu a área e cruzou na medida para o gol de barriga de Joéber - bem ao estilo de Renato Gaúcho nos tempos de Fluminense: 3 a 0. Todos correram para abraçar Jefferson, pela linda jogada. Gil Ribeiro ainda colocou Guilherme para aumentar a velocidade do ataque, mas o quarto gol não pintou.

O time visitante tentou o gol de honra nos minutos finais, mas não conseguiu. Aos 45, na jogada de Lennon, o meia Arthur recebeu na entrada da área, porém exagerou na força, chutando por cima e jogando fora a última chance de marcar seu primeiro gol na competição. Fim de jogo e como sempre acontece na Copinha, os jogadores foram comemorar com as torcidas organizadas posicionadas na arquibancada descoberta. Que venha o São Paulo!

Ficha Técnica:

Internacional 3 x 0 Ji-Paraná

Gols -
Gabriel aos 20 e Davison aos 40 minutos do 1º tempo; Joéber aos 38 minutos do 2º tempo (IN)
Local - Estádio Major José Levy Sobrinho
Árbitro - Ederson Martins Deodato
Auxiliares - Décio Casagrande Portiéri e William Rodrigues Deodato
Público - aproximadamente 1.000 torcedores
Internacional - Felipe; Jefferson, Davison, Emerson e Bruno Reis; Joéber, Yan, Giovanni (Fábio) e Cauê; Gabriel (Guilherme) e Léo (Paulinho). Técnico - Gil Ribeiro.
Ji-Paraná - Felipe; Yago, Júnior Ferreira, Jean Carlos e Róbson (Arthur); Chicão, João Paulo (Luizinho), Lucas Santos e Raul; Lennon e Giovane (Assis). Técnico - Luciano Almeida.
Ocorrências - cartões amarelos para Yan (IN), Jean Carlos e João Paulo (JI).

Fonte: Blog do Edmar Ferreira

INTER DE LIMEIRA E JI-PARANÁ SE ENFRENTAM HOJE ÀS 19:00 (HORÁRIO DE BRASÍLIA), PELA SEGUNDA RODADA DA COPA SÃO PAULO 2011

Itabuna/BA e São Paulo abrirão a segunda rodada da Copa São Paulo de Futebol Juniores, hoje às 17h, no Limeirão. Logo em seguida, às 19h, a Internacional enfrentará o Ji-Paraná/RO. O jogo de fundo terá a transmissão da equipe de esportes da Gazeta de Limeira/Radio Educadora 1020 AM, com Edmar Ferreira, Naldo Dias e João Valdir de Moraes. Partida importante para as pretensões do "Leãozinho" na competição, que precisará da vitória para continuar lutando pela classificação.

O técnico Gil Ribeiro poderá manter a base da equipe que iniciou a partida de quarta-feira diante do Itabuna, na vitória por 1 a 0 frente a equipe baiana. Como o São Paulo derrotou o Ji-Paraná por 5 a 0, uma vitória com placar elástico poderá ajudar o time leonino no saldo de gols, pois no confronto final desta fase da 42ª Copa São Paulo de Futebol Júnior, o time leonino enfrentará o Tricolor.

De acordo com o regulamento, o saldo de gols é um dos itens importantes para qualificar uma equipe na sequência da competição, pois classificam-se para a sequência da Copinha, os líderes de cada grupo, além dos nove melhores segundos colocados. (os critérios de desempate são: número de vitórias, saldo de gols, gols-pró, menos cartões vermelhos, confronto direto e sorteio).

Partindo deste princípio, a Internacional terá que ter uma dinâmica melhor de jogo em relação ao futebol apresentado na estreia. Claro que na primeira partida a ansiedade tomou conta da equipe, principalmente nos 45 minutos iniciais. Mas para o confronto marcado para as 19h, também no Limeirão, aguarda-se uma melhor perfomance da equipe comandada pelo técnico Gil Ribeiro.

Já o Ji-Paraná, que foi goleado pelo Tricolor, entrará em campo com responsabilidade dobrada. Para continuar na competição, terá que vencer a Internacional e ainda por cima por uma boa diferença de gols. Aliás, somente a vitória interessa ao Ji-Paraná, pois outro resultado vai lhe tirar da próxima fase da Copa São Paulo.

Para a rodada dupla no Limeirão, aguarda-se a presença de um bom público. A entrada é gratuita e os portões serão abertos às 16h. Na partida preliminar, o São Paulo vai encarar o Itabuna. O Tricolor é favorito para este confronto. A equipe do técnico Sérgio Baresi não é só favorita para este jogo, como também uma das sérias canditadas a conquista do título.

A Inter está escalada e vai de: Felipe; Jeferson, Deivisson, Emerson e Bruno Reis; Joeber, Yan, Cauê e Giovani; Léo e Gabriel. O árbitro será Ederson Martins Deodato, que terá como auxiliares, Décio Casagrande Portiéri e William Rodrigues Deodato.

Fonte: Blog do Edmar Ferreira

CONFIRA OS GOLS DE SÃO PAULO 5 X 0 JI-PARANÁ:

 

 

Créditos: ESPN Brasil

Atual campeão, São Paulo goleia Ji-Paraná por 5 a 0 na estreia da Copinha

O São Paulo começou a defender o título da Copa São Paulo de Futebol Júnior em grande estilo. Nesta quarta-feira à noite, a equipe tricolor não tomou conhecimento do modesto Ji-Paraná e levou a melhor por 5 a 0 na estreia da competição, em Limeira.

Com o resultado, o clube do Morumbi somou seus três primeiros pontos no grupo M. O São Paulo está igualado à Inter de Limeira, que venceu o Itabuna por 1 a 0 também nesta quarta-feira.

Quando a partida começou, o São Paulo deixou claro que era amplamente superior. Logo aos 2min, Paulinho aproveitou cruzamento da direita e abriu o placar. Oito minutos depois, foi a vez de Alfredo ampliar o marcador.

Porém, depois do segundo gol, a equipe tricolor diminuiu o ritmo. Com controle da posse de bola, o São Paulo maneirou os avanços. Ainda assim, arrumou tempo para fazer o terceiro gol antes do intervalo, com Dener, aos 39min.

Na etapa final, a equipe do Morumbi voltou a controlar a partida, ampliando o marcador com Miranda aos 3min. Com a partida definida, o São Paulo se preocupou apenas em manter a posse de bola. Mesmo desta forma, arrumou tempo para fazer o quinto, com Alfredo.

“Trabalhamos bem na pré-temporada e nos esforçamos muito para ir bem”, comentou Miranda após o triunfo. “Viajamos 40 horas e chegamos muito em cima da hora. Jogando debaixo de chuva, não deu para fazer um bom resultado, vamos tentar repor esses três pontos agora”, lamentou Iago, do Ji-Paraná.

Agora, as duas equipes voltam a atenção para a disputa da segunda rodada da Copinha no próximo sábado. O time tricolor entra em campo às 17h contra o Itabuna, novamente em Limeira. O Ji-Paraná, por sua vez, enfrenta a Inter de Limeira duas horas mais tarde.

Fonte: UOL

APÓS 60 HORAS DE ÔNIBUS, JI-PARANÁ ESTÁ PRONTO PARA ENFRENTAR O SÃO PAULO

A Copa São Paulo de Futebol Júnior 2011 tem início hoje com a participação de 92 times de todo o País. Limeira é uma das sedes da "Copinha" e receberá as equipes do Grupo M, que, além da Internacional de Limeira, é formado pelo São Paulo, Itabuna Esporte Clube, da Bahia, e Ji-Paraná, de Rondônia.

Os dois últimos, times pequenos e até desconhecidos para alguns. Mas que contam com a força de vontade dos atletas e comissão técnica. "É a nossa primeira participação na competição. Viemos para realizar um bom campeonato e isso depende do que for colocado em prática no campo", disse o preparador de goleiros do Ji-Paraná, Selmo Castro, o "Pará".

Já a equipe do Itabuna fará sua segunda participação na Copinha. "Não temos o tamanho de investimento que o São Paulo e a Inter têm, mas esperamos fazer um bom campeonato e revelar grandes atletas, como fizemos no ano passado", disse o treinador do time baiano, Evandro Guimarães.

Revelar atletas. É com este objetivo que a maioria dos jogadores que participam da Copa São Paulo entra em campo - almejando um futuro de sucesso no futebol profissional.

DIRETO DA BAHIA

Dos 20 atletas que vieram de Itabuna para Limeira, apenas três já participaram da Copinha. Entre eles, o volante João Ricardo de Sá Pinto e o lateral-direito Francisco Ulisses Lima Dias, ambos de 18 anos.

"Na primeira participação, a ansiedade é muito grande", apontou Francisco. "Acho que tenho um pouco mais de experiência para passar para os outros jogadores que não disputaram a competição no ano passado", disse João.

João começou a jogar futebol aos 12 anos e, desde então, é jogador do Itabuna Esporte Clube. A carreira de jogador profissional é objetivo traçado em sua vida. "A gente recebe muitas críticas, mas não pode abaixar a cabeça. Espero fazer um bom campeonato e alçar voos maiores", disse.

Mesmo objetivo tem Francisco: chamar a atenção com o seu desempenho em campo e poder jogar em um time de maior reconhecimento. "O objetivo é fazer uma boa participação e, daqui, sair para um time melhor", disse o jovem atleta, que começou no esporte aos 15 anos.

Também acostumado com comentários negativos, ele já sabe como deve agir. "A parte mais difícil é quando as pessoas não acreditam em você. Pensam que você não pode dar certo. Na verdade, a crítica dos outros apenas me engrandece. É um dom que Deus me deu e vou seguir carreira profissional", disse Francisco.

Mateus de Oliveira Melo, 18, participa pela primeira vez da Copinha. Começou no futebol aos 15 anos. "Já joguei na equipe júnior do Bahia e acabei dispensado, mas não desanimei. Quero ser jogador profissional, realizar meu sonho e ajudar a minha família", disse Mateus.

O seu maior objetivo é jogar no Flamengo, mas ele sabe que, até lá, o caminho é longo. "Tenho que aproveitar esta oportunidade da Copinha para mostrar meu futebol. Vejo isso como uma porta de emprego para eu ir para times melhores", comentou.

JI-PARANÁ

Com corte moicano no cabelo, no melhor estilo Neymar, o meia do Ji-Paraná Giovani de Lima Figueiredo, 17, já teve passagens nas categorias de base do Fluminense (RJ) e do Grêmio Prudente (SP).

"Os atletas sofrem muito com a falta de patrocínio, mas agora tenho um empresário que está me ajudando. Espero que nesse campeonato algum time grande possa gostar do meu desempenho", disse Giovani.

Fã de Neymar e Ronaldinho Gaúcho, ele tem grandes sonhos - jogar no Flamengo e também no Exterior, de preferência no Barcelona (Espanha). "Quero ser um bom jogador para ajudar a minha família e mostrar para todo mundo que duvidou de mim", destacou.

A viagem de Ji-Paraná até Limeira foi feita de ônibus. "Dois dias e 12 horas de viagem. É muito desgastante", disse Yago Wan, 18.

Em sua primeira viagem a São Paulo, o atleta já nota as diferenças regionais. "Aqui é uma cidade colada com a outra. É muito engraçado. Lá, é tudo longe", comentou Yago.

Desde os 4 anos no esporte, ele já sabe das dificuldades que enfrentará no futebol profissional. "O mais difícil é ficar longe da família, mas eu espero fazer muitas viagens como essa".

O ídolo de Yago é o português Cristiano Ronaldo e o seu maior sonho é jogar no Palmeiras. "Acho que, neste caso, minha vida seria mais turbulenta, mais corrida. Eu, porém, estaria disposto a enfrentar tudo isso para realizar o meu sonho de jogar profissionalmente. Espero ser revelado para algum time depois da Copinha", disse.

JOGOS

As disputas do Grupo M terão início amanhã. A Inter enfrentará o Itabuna, às 19h, e São Paulo e Ji-Paraná entram em campo às 21h.

Fonte: Futebol do Norte


JI-PARANÁ VENCE ÚLTIMO AMISTOSO ANTES DA COPA SÃO PAULO

O Ji-paraná futebol clube em sua fase final de preparação para a disputa da Copa São Paulo de Futebol Junior no mês que vem, fechou na tarde deste domingo o seu ciclo de amistosos ao vencer a equipe Estrela Vermelha pelo placar de 3 a 2.

Os três gols do Jipa foram marcados pelo atacante Assis, considerado um dos maiores destaques do futebol rondoniense na atualidade. Assis tem 17 anos e promete fazer uma boa participação na copinha. “Estou treinando forte para dar o meu máximo pelo Ji-paraná lá em São Paulo na copinha”, disse Assis.

 Com a vitória sobre a Estrela Vermelha, considerada um dos times amadores mais fortes de Ji-paraná, o Galo da BR soma cinco amistosos, com quatro vitórias e um empate.

 O técnico da equipe, Luciano de Almeida, ressalta a evolução do time nos amistosos disputados.  “A equipe evoluiu consideravelmente nos amistosos que disputamos, pois jogamos contra equipes tradicionais do futebol amador, todos adultos, o que forçou bastante  nossos atletas. Conseguimos resultados interessantes, mas o que é importante nesse momento é o trabalho de conjunto da equipe para que dessa forma possamos definir o grupo de atletas que vão disputar a Copinha”, ressaltou Luciano de Almeida.

O Ji-paraná estréia no próximo dia 5 na copinha contra o São Paulo, atual campeão da competição.

 

Fonte: RUL

JI-PARANÁ DIVULGA RELAÇÃO DE ATLETAS QUE DISPUTARÃO A COPA SP

O Ji-Paraná divulgou na manhã desta terça-feira a relação de jogadores que defenderá o clube na disputa da Copa São Paulo de Futebol Júnior, no mês de janeiro do ano que vem.

Para o preparador físico do Galo da BR, Fabrício Cardoso, a escolha dos 30 jogadores ocorreu de acordo com o trabalho desenvolvido pela comissão técnica ao longo da preparação da equipe. “Mantemos em nossa base os campeões do nosso grupo e o restante chegou de fora. Para fechar os 25 jogadores, os atletas terão que demonstrar ter comprometimento com o trabalho realizado pela comissão técnica e com seus companheiros”, revelou.

Já nesta terça-feira, o elenco realizou trabalho físico na academia Forma e Movimento. Para Fabrício, a ideia é já iniciar os treinamentos em dois períodos pensando na estreia diante do São Paulo. “A partir de amanhã a ideia é trabalhar em dois períodos (manhã e tarde), mas vai depender da logística para que possamos intensificar nosso trabalho”, destacou.

No próximo sábado, às 16 horas, o elenco do Ji-Paraná realizará seu terceiro amistoso em sua preparação. Será diante do selecionado de Alvorada D’Oeste.
 
O Ji-Paraná integra o grupo M da Copinha juntamente com Inter de Limeira-SP, Itabuna-BA e São Paulo-SP.

A estreia do Ji-Paraná está marcada para o dia 5 de janeiro diante do São Paulo.

Confira a relação dos jogadores:

Goleiro
Daniel;
Eduardo;
Felipe.

Laterais-direitos
Artur;
China.

Laterais-esquerdos
Robson;
Vitinho.

Zagueiros
Giovane;
Jean Carlos;
João Paulo;
Júnior Cabeça;
Miranda;
Renan;
Robson Alves.

Volantes
Chicão;
Diego Vilhena;
Felipe;
Geovane Cunha;
Wagner.

Meias
Lucas Santos;
Luizinho;
Paulo Ricardo;
Raul;
Tiaguinho.

Atacantes
Assis;
Dodô;
Erisson;
Léo;
Leno;
Yago.

Fonte: Futebol do Norte

EM PREPARAÇÃO, JI-PARANÁ VENCE SEU SEGUNDO AMISTOSO

O Ji-Paraná realizou seu segundo amistoso em sua preparação para a disputa da Copa São Paulo de Futebol Júnior. Na tarde deste domingo, o Galo da BR venceu o Comercial, time amador do município, por 2 a 1, em Nova Londrina.

Os gols da vitória do Galo da BR foram marcados por Yago e Tavinho.

O Galo da BR entrou em campo neste domingo com a seguinte formação: Felipe; China, Jean, Miranda e Robson; Chicão, João Paulo, Luizinho e Raul; Assis e Lenno.

Na Copa SP, o Ji-Paraná integrará o grupo M juntamente com Inter de Limeira-SP, São Paulo-SP e Itabuna-BA.

O elenco do Ji-Paraná retorna nesta segunda-feira, às 8 horas, no quartel da Polícia Militar, para a realização de trabalhos físicos.

Fonte: Futebol do Norte

DEFINIDOS OS GRUPOS DA COPA SÃO PAULO

Nesta terça-feira (23), a Federação Paulista de Futebol (FPF) divulgou os grupos e o regulamento da 42ª edição da Copa São Paulo de Futebol Júnior. O torneio será disputado entre os dias 4 e 25 de janeiro e contará com a presença de 92 equipes, que serão divididas em 23 chaves.

O São Paulo, atual campeão, terá pela frente, inicialmente, o Ji-Paraná (de Rondônia), o Itabuna, (da Bahia), e a Inter de Limeira, uma das sedes do torneio. Além do título, o Tricolor paulista revelou alguns nomes que, atualmente, fazem parte do elenco do técnico Paulo César Carpegiani. São os casos do meio-campista Lucas (na época chamado Marcelinho), do volante Casemiro e do atacante Lucas Gaúcho.

Maior vencedor da competição, com sete títulos, o Corinthians fará parte do Grupo C em Barueri, quando medirá forças com o clube local (Sport Club Barueri), o Juventude (do Maranhão) e o Cacerense (do Mato Grosso).

O único grande clube paulista que nunca conquistou o torneio, o Palmeiras, jogará na cidade de Jaguariúna contra o Ceará, Mirassol e Bandeirante, do Distrito Federal. Já o Santos, vice campeão de 2010, jogará a primeira fase em São Carlos contra o time anfitrião, o Confiança, do Sergipe e o Atlético Acreano.

Ao contrário do último ano, a competição de 2011 não terá a presença de clubes estrangeiros. Em 2010, o Al-Hilal, da Arábia Saudita, fez parte do Grupo U e se despediu da cidade de Paulínia (SP) com duas derrotas (1 a 0 para o Atlético Paranaense e Remo) e um empate (2 a 2 com o Paulínia).

Na primeira fase, os quatros clubes de cada grupo jogarão entre si, em turno único, classificando-se para a segunda fase os líderes de cada chave e os nove melhores segundo colocados. A partir de então, o formato aderido será o mata-mata, em jogo único, até a decisão, realizada no dia 25 de janeiro (aniversário da cidade de São Paulo).

Confira os Grupos da edição 2011 da Copa São Paulo de Futebol Júnior
Grupo A - Leme
Lemense - SP
Grêmio - RS
Marília - SP
Santa Maria - DF

Grupo B - Sumaré
Sumaré - SP
Paraná Clube - PR
Ponte Preta - SP
Porto - PE

Grupo C - Barueri
Barueri - SP
Corinthians - SP
Cacerense - MT
Juventude - MA

Grupo D - Porto Feliz
Deportivo Brasil - SP
Goiás - GO
Santo André - SP
Corinthians Alagoano - AL

Grupo E - Osasco
Osasco - SP
Vasco da Gama - RJ
Linense - SP
América - RN

Grupo F - São Bernardo do Campo
São Bernardo - SP
Paulista - SP
São José - RS
Funorte - MG

Grupo G - Louveira
Paec - SP
Paysandu - PA
São Caetano - SP
Fluminense - PI

Grupo H - Águas de Lindoia
Rio Claro - SP
Figueirense - SC
Guarani - SP
Rio Branco - AC

Grupo I - S. José do Rio Preto
América - SP
Atlético Mineiro - MG
Criciúma - SC
Pantanal - MS

Grupo J - Monte Azul Paulista 
Monte Azul - SP
Coritiba - PR
Fortaleza - CE
Vila Nova - GO

Grupo K - São José dos Campos
São José - SP
Flamengo - RJ
Mogi MIrim - SP
Gurupi - TO

Grupo L - Campinas
Red Bul Brasil - SP
Atlético Paranaense - PR
Juventus - SP
Grêmio Sampaio - RR

Grupo M - Limeira
Internacional de Limeira - SP
São Paulo - SP
Ji-Paraná - RO
Itabuna - BA

Grupo N - Ribeirão Preto
Olé Brasil - SP
Atlético Goianiense - GO
Botafogo - SP
Rondonópolis - MT

Grupo O - Araras
União São João - SP
Cruzeiro - MG
União Barbarense - SP
IAPE - MA

Grupo P - Jaguariúna
Palmeiras - SP
Ceará - CE
Mirassol - SP
Bandeirante - DF

Grupo Q - Piracicaba
XV de Piracicaba - SP
Internacional - RS
7 de Setembro - MS
Primeira Camisa - SP

Grupo R - Taboão da Serra
Taboão da Serra - SP
Bahia - BA
Noroeste - SP
América Mineiro - MG

Grupo S - Taubaté
Taubaté - SP
Fluminense - RJ
Sertãozinho - SP
Nacional - AM

Grupo T - São Carlos
São Carlos - SP
Santos - SP
Confiança - SE
Atlético Acreano - AC

Grupo U - Paulínia
Paulínia - SP
Botafogo - RJ
Rio Preto - SP
Nacional de Patos - PB

Grupo V - Guarulhos
Flamengo - SP
Vitória - BA
Grêmio Prudente - SP
Jaguaré - ES

Grupo X - Capital
Nacional - SP
Portuguesa - SP
Vitória das Tabocas - PE
Oratório - AP

Fonte: R7

JI-PARANÁ APRESENTA MAIS DOIS REFORÇOS

O técnico do Ji-Paraná, Luciano de Almeida, confirmou nesta quinta-feira a chegada de mais dois reforços para a Copa São Paulo de Futebol Júnior. São eles: o meia João Paulo e Dodô, destaques do Atlético Rondoniense e VEC, respectivamente.

“O João Paulo é um jogador de grande visão de jogo, sabe sair jogando e municia muito bem os atacantes. Já o Dodô é um jogador de velocidade e um ótimo finalizador”, destacou Luciano.

Em sua quarta semana de preparação, o Ji-Paraná realizou treino nesta quinta-feira no estádio Biancão. O treinador já pretende definir nos próximos dias o elenco que irá a São Paulo. “Estamos evoluindo e os atletas estão correspondendo bem aos trabalhos. Tivemos que fazer uma breve mudança na preparação devido ao tempo limite de inscrição, então estamos mantendo o trabalho físico, priorizando o treinamento com bolas em coletivos e jogos reduzidos”, frisou.

Enquanto uns chegam, outros são dispensados do elenco, como foi o caso de Caio, Preato, Neyzinho e Olace. “Eles não fazem mais parte dos planos”, afirmou Luciano.

Nesta sexta-feira, o elenco retorna ao estádio Biancão.

Fonte: Futebol do Norte




[ ver mensagens anteriores ]
Nos siga no Twitter Ji-Paraná FC Nossos Parceiros Futebol do Norte Vilhena E.C




Meu Perfil
BRASIL , Norte , JI-PARANA , Homem , de 15 a 19 anos , Portuguese , Spanish
ICQ - 344868319

 
 
Visitante número: